Aconteceu em RI: 3ª semana de agosto

Oi gente, tudo bom?

Perdeu alguma coisa que aconteceu nesta última semana? Aqui vão alguns destaques 🙂

A resposta de Khamenei a Trump

CBS news
Fonte: CBS News

Seguindo o desenrolar do embate entre Irã e EUA que se intensificou principalmente depois da saída dos americanos do acordo nuclear e a imposição de novas sanções contra o Irã, esta semana foi a vez do líder supremo do país, aiatolá Ali Khamenei, se pronunciar sobre o assunto.

Dado as declarações de Trump que estaria disposto a firmar um novo acordo com os iranianos que fosse diferente daquele feito pelo seu antecessor e assim eliminaria as novas sanções impostas contra eles, Khamenei afirmou que o Irã não fará guerra, mas também nenhuma negociação com os EUA (principalmente com a administração atual), defendendo que os mesmos não são confiáveis. Juntamente nesta semana do pronunciamento de Khamenei, o Ministro da Defesa do Irã, Amir Hatami, revelou o mais novo míssil balístico iraniano e prometeu desenvolver ainda mais as capacidades do país neste quesito.

Crise na economia turca e suas repercussões

A Turquia, que até então apresentava um crescimento econômico considerável (registrando um crescimento real do PIB de 34% ao longo de 5 anos segundo dados da OCDE), vem enfrentando uma crise em sua economia desde o começo do ano caracterizada por uma alta na inflação (afastando-se da meta de 5% e chegando a uma marca de aproximadamente 10% no acumulado de 12 meses). Além disto, também apresenta um grande déficit comercial e uma desvalorização da moeda do país, a lira turca, em comparação ao dólar americano que recentemente atingiu o patamar de 1 US$/₺6, perdendo 10% do seu valor e contando no ano com uma depreciação de 45%.

Middle East Observer
Fonte: Middle East Observer

A situação ainda se agravou, como percebido nesta semana, devido à recusa do presidente turco Recep Tayyip Erdogan de permitir um aumento na taxa de juros para controlar a inflação (depois de sua última vitória eleitoral, Erdogan vem impondo sua visão econômica sob o Banco Central da Turquia). Somado a isto veio também as recentes sanções lançadas pelos EUA contra o aço e alumínio da Turquia por causa da prisão de um pastor americano (acusado de conspirar contra o governo turco) e que agravou ainda mais o quadro econômico do país.

Erdogan, por sua vez, acusa que o recente desempenho da economia turca é diretamente por causa de forças estrangeiras hostis, se referindo mais especificamente aos EUA. Como represália às sanções anteriormente mencionadas, Erdogan anunciou que o seu país imporia um boicote aos produtos eletrônicos vindos dos EUA de modo a também conseguir controlar o andamento da economia turca.

Estas recentes movimentações geraram preocupação nos mercados financeiros de que esta recessão na economia turca (que cada dia parece mais provável) possa vir a trazer consequências também para outros mercados em desenvolvimento, como África do Sul, Argentina e inclusive o Brasil.

Atentados na Inglaterra e no Afeganistão

Nesta semana também, dois atentados terroristas foram registrados, um ocorrendo em Londres e outro na região de Baghlan no Afeganistão.

No primeiro caso, um homem dirigindo um carro em alta velocidade tomou a contramão e atingiu um grupo de ciclistas perto do Parlamento britânico ameaçando também os pedestres que passavam pelo local na terça-feira (14) pelo período da manhã. O caso foi tratado como um incidente terrorista pelas autoridades e o homem que estava desarmado e sozinho no carro foi preso no local do ataque. Até o momento, não tinha sido possível encontrar qualquer ligação entre ele e grupos terroristas e desta forma acredita-se que o caso tenha sido uma ação deliberada pelo autor do ataque.

Já no segundo ocorreu na província afegã de Baghlan. O atentado foi perpetrado pelo grupo Talibã que matou 35 soldados e 9 policiais na quarta (15). Além deste, outros ataques contra forças de segurança do país foram registrados na segunda (13). Estes recentes eventos vêm de encontro com outros conflitos semelhantes ocorridos no país na semana passada.

Na época, a cidade afegã de Ghanzi sofreu com os confrontos entre o Talibã e as forças de segurança durante quase toda semana. Ao final, a cidade tinha falta de água e eletricidade e o hospital estava lotado com feridos desde civis, talibãs até membros do exército chegando em mais de 150 feridos.

Confrontos entre brasileiros e venezuelanos

Neste sábado (18) foi registrado um confronto entre brasileiros e refugiados venezuelanos em Pacaraima na fronteira entre Brasil e Venezuela, o que acabou resultando na volta de aproximadamente 1,2 mil imigrantes de volta ao seu país.

O estopim desta situação foi o assalto e agressão sofrida por um comerciante de Pacaraima por um grupo de quatro venezuelanos. Em decorrência disto, o homem teve que ser levado para ser internado.

El país
Fonte: El País

Depois deste incidente, outros moradores da cidade de Pacaraima tomaram este caso como justificativa para avançar contra os acampamentos venezuelanos que estão na praça da cidade em condições precárias. Os brasileiros, muitos deles munidos de paus e pedras, puseram fogo nos pertences dos refugiados e falaram palavras de ordem para expulsar os venezuelanos que se encontravam na cidade. Foi registrado que alguns venezuelanos revidaram o ataque dos brasileiros, porém a maioria ou fugiu para áreas do entorno ou retornaram para a Venezuela.

No dia seguinte, já se observava um fluxo de refugiados cruzando a fronteira com o Brasil, mas em quantidade bem menor. Devido a este incidente, o Ministério de Segurança Pública informou que irá enviar mais 60 homens das Força Nacional para o local.

Fontes:

https://www.afp.com/en/news/23/irans-khamenei-no-war-no-negotiations-us-doc-18c38t2

https://www.telegraph.co.uk/news/2018/08/14/car-crashes-barrier-outside-parliament-armed-police-surround/

https://www.aljazeera.com/news/2018/08/afghanistan-dozens-security-forces-killed-taliban-attack-180815065025633.html

https://g1.globo.com/rr/roraima/noticia/2018/08/19/pacaraima-tem-ruas-desertas-apos-confronto-entre-brasileiros-e-venezuelanos.ghtml

https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2018/08/refugiados-venezuelanos-sao-agredidos-e-expulsos-de-tendas-em-roraima.shtml

https://www.theguardian.com/world/2018/aug/13/how-serious-is-turkeys-lira-crisis-and-what-are-the-implications

https://www.bbc.co.uk/news/world-europe-45179673

https://g1.globo.com/economia/noticia/2018/08/10/moeda-turca-tem-forte-desvalorizacao-e-registra-novo-minimo.ghtml

https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2018/08/dolar-sobe-e-chega-a-tocar-em-r391-com-preocupacoes-com-turquia.shtml

 

Anúncios

Deixe uma resposta